Os Portugueses não se contentam com se lhes dar o pão partido; há-se-lhes de dar todo o pão, sob pena de não ficarem contentes. Daqui se segue que nunca é possível que o estejam.


os-portugueses-não-se-contentam-com-se-lhes-dar-o-pão-partido-há-se-lhes-de-dar-todo-o-pão-sob-pena-de-não-ficarem-contentes-daqui-se-segue
antónio vieiraosportuguesesnãosecontentamcomlhesdarpãopartidohselhesdetodopãosobpenaficaremcontentesdaquiseguenuncapossívelestejamos portuguesesportugueses nãonão sese contentamcontentam comcom sese lheslhes dardar oo pãopão partidode dardar todotodo oo pãosob penapena dede nãonão ficaremficarem contentesdaqui sese seguesegue queque nuncanunca éé possívelpossível queo estejamos portugueses nãoportugueses não senão se contentamse contentam comcontentam com secom se lhesse lhes darlhes dar odar o pãoo pão partidode dar tododar todo otodo o pãosob pena depena de nãode não ficaremnão ficarem contentesdaqui se seguese segue quesegue que nuncaque nunca énunca é possívelé possível quepossível que oque o estejam

Não desista sobre aqueles que você ama. Dê-lhes tempo, dar-lhes espaço, dar-lhes amor, mas não desistir deles ..Se você ama alguém, dar-lhes a opção de deixar mas nunca dar-lhes razão para isso.Nunca dar a alguém seu coração quando você não pode mesmo dar-lhes a sua confiança.Claro que estes maridos / são grandes desgraçados. / O pão de casa nunca lhes basta.Claro que estes maridos são grandes desgraçados. O pão de casa nunca lhes basta.Nenhum homem há que não dê pelo pão e ao pão todo o seu cuidado.