O homem ocioso é como a água parada: corrompe-se.


o-homem-ocioso-é-como-a-água-parada-corrompe-se
nicholas valentin de latenahomemociosocomoguaparadacorrompeseo homemhomem ociosoocioso éé comoágua paradao homem ociosohomem ocioso éocioso é comocomo a águaa água paradao homem ocioso éhomem ocioso é comoé como a águacomo a água paradao homem ocioso é comoocioso é como a águaé como a água parada

O poder não corrompe o homem; é o homem que corrompe o poder. O homem é o grande poluidor, da natureza, do próprio homem, do poder. Se o poder fosse corruptor, seria maldito e proscrito, o que acarretaria a anarquia.Quem nunca altera a sua opinião é como a água parada e começa a criar répteis no espírito.Quem nunca altera a sua opinião é como a água parada e começa a criar répteis no espíritoA água estagnada corrompe-se,  a que corre livremente é cada vez mais pura e límpidaComo eu sei depraves pornografia e corrompe? Ele depraves e me corrompeO homem é o ímpeto, a mulher é a continuidade que, na sua fraqueza, vence como a gota de água: pela persistência. O homem investe arrebatadamente como Ájax; a mulher insinua-se como Dalila. O homem apunhala; a mulher envenena. O homem é impaciente, a mulher espera.