O essencial da identidade de um homem do meu género reside precisamente no «que» ele pensa e no «como» pensa, não no que faz ou sofre.


o-essencial-da-identidade-de-um-homem-do-meu-género-reside-precisamente-no-ele-pensa-e-no-como-pensa-não-no-faz-sofre
albert einsteinessencialdaidentidadedeumhomemdomeugéneroresideprecisamentenoqueelepensacomopensanãofazsofreo essencialessencial dada identidadeidentidade dede umum homemhomem dodo meumeu génerogénero residereside precisamenteprecisamente nono «que»«que» eleele pensapensa ee nono «como»«como» pensanão nono queque fazfaz ouou sofreo essencial daessencial da identidadeda identidade deidentidade de umde um homemum homem dohomem do meudo meu géneromeu género residegénero reside precisamentereside precisamente noprecisamente no «que»no «que» ele«que» ele pensaele pensa epensa e noe no «como»no «como» pensanão no queno que fazque faz oufaz ou sofreo essencial da identidadeessencial da identidade deda identidade de umidentidade de um homemde um homem doum homem do meuhomem do meu génerodo meu género residemeu género reside precisamentegénero reside precisamente noreside precisamente no «que»precisamente no «que» eleno «que» ele pensa«que» ele pensa eele pensa e nopensa e no «como»e no «como» pensanão no que fazno que faz ouque faz ou sofreo essencial da identidade deessencial da identidade de umda identidade de um homemidentidade de um homem dode um homem do meuum homem do meu génerohomem do meu género residedo meu género reside precisamentemeu género reside precisamente nogénero reside precisamente no «que»reside precisamente no «que» eleprecisamente no «que» ele pensano «que» ele pensa e«que» ele pensa e noele pensa e no «como»pensa e no «como» pensanão no que faz ouno que faz ou sofre

Um homem sábio escreve o que ele pensa, um homem estúpido se esquece o que ele pensa, um completo idiota pune a si mesmo por que ele pensa.A essência da mente independente não está no que ele pensa, mas na forma como ela pensa.Comportamento é o que um homem faz, não o que ele pensa, sente ou acredita.O homem superior pensa no seu carácter; o homem inferior pensa na sua posição. Ao primeiro preocupam as penalidades pelos erros, e ao segundo, os favores.O homem superior pensa sempre da virtude; o homem comum pensa de confortoO homem que pensa poder viver sem outro está equivocado; o homem que pensa que os outros não poderão viver sem ele, está ainda mais equivocado.