Ninguém pode ou tem o direito de obrigar alguém a fazer seja o que for. Apesar de renascermos juntos, cada um tem o seu processo, o seu nível de consciência e o livre arbítrio para agir como entender.


ninguém-pode-tem-o-direito-de-obrigar-alguém-a-fazer-seja-o-for-apesar-de-renascermos-juntos-cada-um-tem-o-seu-processo-o-seu-nível-de
gustavo santosninguémpodetemdireitodeobrigaralguémfazersejaforapesarrenascermosjuntoscadaumseuprocessonívelconsciêncialivrearbítrioparaagircomoentenderninguém podepode ouou temtem oo direitodireito dede obrigarobrigar alguémfazer sejaseja oque forapesar dede renascermosrenascermos juntoscada umum temtem oo seuseu processoo seuseu nívelnível dede consciênciaconsciência eo livrelivre arbítrioarbítrio parapara agiragir comocomo entenderninguém pode oupode ou temou tem otem o direitoo direito dedireito de obrigarde obrigar alguémalguém a fazera fazer sejafazer seja oseja o queo que forapesar de renascermosde renascermos juntoscada um temum tem otem o seuo seu processoo seu nívelseu nível denível de consciênciade consciência econsciência e oe o livreo livre arbítriolivre arbítrio paraarbítrio para agirpara agir comoagir como entender

Se alguém quiser beber, pode beber até morrer. Pode beber em casa, quebrar móveis. Mas, no momento em que esse alguém sai ã rua, tem de ter regras e a mais óbvia delas é que não pode sobrepor o seu direito individual ao direito coletivo.Importa menos saber o que ocorre e sucede a alguém na vida, do que a maneira como ele o sente, portanto, o tipo e o grau da sua susceptibilidade sob todos os aspectos. O que alguém é e tem em si mesmo, ou seja, a personalidade e o seu valor, é o único contributo imediato para a sua felicidade e para o seu bem-estar.Punição como punição não é admissível a menos que o agressor teve o livre arbítrio para escolher o seu curso.Se você mora nos Estados Unidos e você não possui seu próprio negócio, você tem dado o seu direito de ser livre.Sou, em absoluto, contra a pena de morte. Decide-se que um homem falhou definitivamente. Mas quem tem o direito de dizer que um homem falhou assim? Ninguém! A mais bela definição de Homem – a de Rousseau – é que ele é um ser perfectível, capaz, pela sua própria natureza, de se aperfeiçoar sempre, por mais nefasto que tenha sido o seu passado. Além disso, o homem tem direitos naturais que ninguém pode retirar. E o direito básico, primeiro, é o direito à vida. Digo mesmo que não há uma democracia real onde há pena de morte, onde o Estado assassina, legalmente, cidadãos.A ideia de livre arbítrio, na minha opinião, tem o seu princípio na aplicação ao mundo moral da ideia primitiva e natural de liberdade física. Esta aplicação, esta analogia é inconsciente; e é...