Deus não se esquece dos pobres


deus-não-se-esquece-pobres
deusnãoseesquecepobresdeus nãonão sese esqueceesquece dosdos pobresdeus não senão se esquecese esquece dosesquece dos pobresdeus não se esquecenão se esquece dosse esquece dos pobresdeus não se esquece dosnão se esquece dos pobres

É um curioso fenômeno que Deus fez com que o coração dos pobres, ricos e os dos ricos, pobres.Os outros. Não lhes abras a porta. E esquece, esquece. Têm o seu mundo de intrigas, estratégias, parceirismo, glórias fúteis, veneno. Sê tu apenas. Esquece.O verdadeiro cristianismo rejeita a ideia de que uns nascem pobres e outros ricos, e que os pobres devem atribuir a sua pobreza à vontade de Deus.A partir da melancolia solene dos filhos do templo correr para sentar-se na poeira, Deus vê-los jogar e esquece o padre.A dor dos pobres é resignada e calma; traz às vezes consigo as aparências da revolta, mas, no fundo, é cheia dum imenso, dum infinito desapego por tudo. Os pobres vêm ao mundo já sem nada; o pouco que a vida lhes deixa é emprestado. Que lhes hão-de tirar que seja deles?! Aos pobres toda a gente chama desgraçados.A política é a arte de obter dinheiro dos ricos e votos dos pobres, com o fim de proteger uns dos outros.