Como artista, tenho que crer que não há ideias irrefutáveis. A Inteligência sempre se contradiz. O homem de espírito é um eterno devir, a negação das ideias irremovíveis. Se eu julgasse as minhas ideias nítidas e categóricas, faria testamento delas, e, depois, deitar-me-ia entre círios, para morrer.


como-artista-tenho-crer-não-há-ideias-irrefutáveis-a-inteligência-sempre-se-contradiz-o-homem-de-espírito-é-um-eterno-devir-a-negação-das
agustina bessa-luíscomoartistatenhocrernãohideiasirrefutveisinteligênciasempresecontradizhomemdeespíritoumeternodevirnegaãodasirremovíveissejulgasseasminhasnítidascategóricasfariatestamentodelasdepoisdeitarmeiaentrecíriosparamorrercomo artistatenho queque crercrer queque nãonão háhá ideiasideias irrefutáveisinteligência sempresempre sese contradizo homemhomem dede espíritoespírito éé umum eternoeterno devirnegação dasdas ideiasideias irremovíveisse eueu julgassejulgasse asas minhasminhas ideiasideias nítidasnítidas ee categóricasfaria testamentotestamento delasentre círiospara morrertenho que crerque crer quecrer que nãoque não hánão há ideiashá ideias irrefutáveisa inteligência sempreinteligência sempre sesempre se contradizo homem dehomem de espíritode espírito éespírito é umé um eternoum eterno devira negação dasnegação das ideiasdas ideias irremovíveisse eu julgasseeu julgasse asjulgasse as minhasas minhas ideiasminhas ideias nítidasideias nítidas enítidas e categóricasfaria testamento delas

Saúdo e buscar as suas ideias, mas não me traga pequenas idéias me trazer grandes idéias para coincidir com o nosso futuro.Quando eram crianças, tinham, certamente, ideias diferentes. Na adolescência, as vossas ideias mudavam a toda a hora, quando se tornaram jovens, as vossas ideias mudaram novamente, e quando envelhecerem, jamais poderão ter ideias iguais às da vossa juventude. A experiência altera tudo. É, simplesmente, impossível manter a mesma ideia ao logo de toda a vida, só um formidável idiota consegue fazê-lo. Se forem pessoas dotadas de um mínimo de inteligência, as vossas ideias mudarão ao longo da vida.Extrai-se idéias de devaneios. Extrai-se idéias do tédio. Extrai-se idéias o tempo todo. A única diferença entre os escritores e as outras pessoas é que a gente percebe quando está fazendo isso.A verdade é de dois géneros: consiste ou na descoberta das relações das ideias consideradas como tal, ou na conformidade das nossas ideias dos objectos com a sua existência real.Sempre fui atraído pelas ideias contra a autoridade. Gosto das ideias referentes á quebra do sistema e do destronamento da ordem estabelecida.As ideias envelhecem dentro dos livros, da mesma forma que envelhecem dentro da cabeça. Na cabeça, antes do mundo, e nos livros, depois do mundo, as ideias podem envelhecer e morrer ou, tantas vezes, podem envelhecer e só nesse momento serem reconhecidas como ideias, só nesse momento nascerem de facto.