Com o corpo, falamos tristezas que as palavras desconhecem.


com-o-corpo-falamos-tristezas-as-palavras-desconhecem
mia coutocomcorpofalamostristezasaspalavrasdesconhecemcom oo corpofalamos tristezastristezas queque asas palavraspalavras desconhecemcom o corpofalamos tristezas quetristezas que asque as palavrasas palavras desconhecemfalamos tristezas que astristezas que as palavrasque as palavras desconhecemfalamos tristezas que as palavrastristezas que as palavras desconhecem

Todas as tristezas da fé reunidas não se igualam em armagura a uma gota das tristezas do pecado.Nós não falamos em prosa. Falamos em verso. Falamos em verso sem rima nem ritmo. Fazemos pausas na conversa que na leitura da prosa se não podem fazer. Falamos, sim, em verso, em verso natural - isto é, em verso sem rima nem ritmo, com as pausas do nosso fôlego e sentimento. Os meus versos são naturais porque são feitos assim.Falamos tanto sobre o amor, mas mostram apenas pouco dele. Devemos sempre tentar voltar as nossas palavras com ações.Os anos ensinam muitas coisas que os dias desconhecem.Aqueles que sabem tudo, mas desconhecem a si próprios, são absolutamente carentes.Os brasileiros são caipiras, desconhecem o outro lado, e, quando conhecem, encantam-se.