As convicções só existem quando nos transformamos nelas, somos a sua representação física.


as-convicções-só-existem-quando-nos-transformamos-nelas-somos-a-sua-representação-física
josé luís peixotoasconvicõesexistemquandonostransformamosnelassomossuarepresentaãofísicaas convicçõesconvicções sósó existemexistem quandoquando nosnos transformamostransformamos nelassua representaçãorepresentação físicaas convicções sóconvicções só existemsó existem quandoexistem quando nosquando nos transformamosnos transformamos nelassomos a suaa sua representaçãosua representação físicaas convicções só existemconvicções só existem quandosó existem quando nosexistem quando nos transformamosquando nos transformamos nelassomos a sua representaçãoa sua representação físicaas convicções só existem quandoconvicções só existem quando nossó existem quando nos transformamosexistem quando nos transformamos nelassomos a sua representação física

A paixão é, de facto, passiva; na paixão há um domínio do amado sobre o amante. Ter a paixão da física significa que somos inferiores à física. Ter o amor da física significa que somos nós a criar a física. Apaixona-se o fraco, o forte cria. Quando se ama, inventa-se inteiro o objecto amado, e daí o espanto de muitas das mulheres que homens grandes amaram; porque me escolheu ele, porque reparou em mim, porque me quis tanto?Não podemos aguardar que os tempos se modifiquem e nós nos modifiquemos junto, por uma revolução que chegue e nos leve em sua marcha. Nós mesmos somos o futuro. Nós somos a revolução.Assim como nós exercer a ganhar força física, existem maneiras que pode ganhar força emocional dentro de nós mesmos.Tenho as minhas convicções, mas tenho sempre medo que essas convicções pareçam demasiado particulares, quando eu queria ter uma visão genérica do que é o cinema.Nós somos americanos quando vamos para a guerra, e quando voltar, nós somos mexicanos.Quando nos expressamos em amor, conectamo-nos à nossa energia de origem e é aí que nos lembramos de quem verdadeiramente somos e de que somos para sempre.