A desestima dos bons dá ousadia aos maus


a-desestima-bons-dá-ousadia-aos-maus
desestimabonsdousadiaaosmausdesestima dosdos bonsbons dádá ousadiaousadia aosaos mausa desestima dosdesestima dos bonsdos bons dábons dá ousadiadá ousadia aosousadia aos mausa desestima dos bonsdesestima dos bons dádos bons dá ousadiabons dá ousadia aosdá ousadia aos mausa desestima dos bons dádesestima dos bons dá ousadiados bons dá ousadia aosbons dá ousadia aos maus

As nossas acções parecem resultar de bons ou de maus auspícios, aos quais se deve uma grande parte dos louvores e das críticas que se lhes atribui.Perdoar aos maus é danar os bonsAprova aos bons, tolera os maus e ama a todos.Existem, apenas, duas espécies de planos de batalha, os bons e os maus. Os bons, falham quase sempre, devido a circunstâncias imprevistas que fazem, muitas vezes, que os maus sejam bem sucedidos.O que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.A força dos maus é eles considerarem-se bons e vítimas dos caprichos alheios.