É errado pensar que o amor vem do companheirismo de longo tempo ou do cortejo perseverante. O amor é filho da afinidade espiritual e a menos que esta afinidade seja criada em um instante, ela não será criada em anos, ou mesmo em geraçãµes.


É-errado-pensar-o-amor-vem-do-companheirismo-de-longo-tempo-do-cortejo-perseverante-o-amor-é-filho-da-afinidade-espiritual-e-a-menos-esta
khalil gibranerradopensaramorvemdocompanheirismodelongotempocortejoperseverantefilhodaafinidadeespiritualmenosestasejacriadaemuminstanteelanãoseranosmesmogeraãµesÉ erradoerrado pensarpensar queo amorvem dodo companheirismocompanheirismo dede longolongo tempotempo ouou dodo cortejocortejo perseveranteo amoré filhofilho dada afinidadeafinidade espiritualespiritual emenos queque estaesta afinidadeafinidade sejaseja criadacriada emem umum instanteela nãonão seráserá criadacriada emem anosou mesmomesmo emem geraçãµesÉ errado pensarerrado pensar quepensar que oque o amoro amor vemamor vem dovem do companheirismodo companheirismo decompanheirismo de longode longo tempolongo tempo outempo ou doou do cortejodo cortejo perseveranteo amor éamor é filhoé filho dafilho da afinidadeda afinidade espiritualafinidade espiritual ee a menosa menos quemenos que estaque esta afinidadeesta afinidade sejaafinidade seja criadaseja criada emcriada em umem um instanteela não seránão será criadaserá criada emcriada em anosou mesmo emmesmo em geraçãµes

O amor é a afinidade que liga e reúne os elementos do mundo... amor, de fato, é o agente da síntese universal.Uma família não é um grupo de parentes; é mais do que a afinidade do sangue, deve ser também uma afinidade de temperamento. Um homem de génio muitas vezes não tem família. Tem parentes.Europa foi criada pela história. América foi criada pela filosofia.Que seja eterno como todo grande amor devia ser. E se não for, que seja ao menos terno. E se não for, que seja ao menos amor. (Lucão)Afinidade é retomar a relação no ponto em que parou sem lamentar o tempo de separação. Porque tempo e separação nunca existiram. Foram apenas oportunidades dadas (tiradas) pela vida.O verdadeiro amor é o sacrifício. O amor é pensar nos outros antes de pensar em si mesmo. O amor é altruísta, não egoísta.